quinta-feira, 28 de maio de 2015

Palestra na FACTUM - Escola Técnica e Superior


Mudanças do Clima 
O Projeto Escola, desenvolvido pelo Greenpeace, tem por objetivo levar às instituições de ensino a visão da ONG por um mundo mais verde e sustentável. E não é uma visão utópica, distante da nossa realidade ou que não possa ser alcançada por esta geração. 

A missão do Projeto Escola, é mostrar que é possível, através do conhecimento e de práticas sustentáveis, tornar este planeta mais acolhedor, pacífico e, principalmente, um lar harmonioso entre todos os seres que nele habitam. 

Na manhã desta quinta-feira (28.05.15), o Grupo de Voluntários do Greenpeace de Porto Alegre mais uma vez foi compartilhar seus conhecimentos com uma galera muito atuante, participativa e que escolheram, como profissão, justamente atuar na defesa do meio ambiente. 

A palestra de hoje foi para aproximadamente 35 alunos da FACTUM - Escola Técnica e Superior, de Porto Alegre. A turma que assistiu a palestra das 10h às 11h45, cursa Técnico em Meio Ambiente. A professora Lessandra Winter Weber,  que assistiu a palestra, recebeu materiais gráficos das campanhas desenvolvidas pelo Greenpeace. Estes documentos foram doados para a biblioteca da instituição para que alunos e professores possam consultá-los. 

Alunos atuantes e participativos 
O voluntário Emerson - que também é aluno da Factum - abriu a palestra falando sobre a história do Greenpeace e suas ações no Brasil e no Mundo. Após este relato, o voluntário Valdeci abordou temas como "Mudanças do Clima" e outras questões como "Obsolescência Programada", "Energias Renováveis" e "Práticas Sustentáveis". 

O debate que se estabeleceu entre palestrantes e alunos foi produtivo e mostrou o quanto esta turma estava afinada (e afiada) com os temas propostos. Por diversas vezes o voluntário Emerson salientou alguns pontos e enfatizou outros. Entre uma pergunta e outra, outros temas foram surgindo que tornou o palestra mais dinâmica e produtiva. 

Prof Lessandra recebendo materiais
Ao final do encontro, os alunos foram convocados a assinarem a Petição do Desmatamento Zero e a se engajarem mais na defesa da nossa exuberante natureza e, acima de tudo, tornarem-se coresponsáveis pelo futuro das próximas gerações. E isso só será possível, e todo mundo entendeu o recado, quando atuamos como agentes transformadores e (e porque não dizer, fiscalizadores) nas nossas rotinas diárias.  

Volunteário Emerson



Após realizar sua primeira participação como palestrante do Projeto Escola do Green de Porto Alegre, o voluntário Emerson Prates assim se manifestou: "Estou muito feliz em fazer parte deste time. Não importa a tarefa, sempre a faço com muita satisfação. Quando estamos determinados a fazer alguma coisa para mudar o jeito que estamos tratando o nosso planeta, encontramos formas de preservar os recursos naturais para às futuras gerações!" 

Texto: Valdeci C. de Souza
Fotos: Emerson Prates

Um comentário:

judite salete pluczinski disse...

Gostaria de ter ido na palestra mas não sabia. 😥